Fale conosco pelo WhatsApp Fale conosco pelo WhatsAppEnvie uma mensagem

Cicatrizes da Abdominoplastia: Tipos e cuidados

Médico fazendo marcações no corpo da paciente
Imagem meramente ilustrativa (Banco de imagens: Shutterstock)

As cicatrizes da abdominoplastia geralmente preocupam bastante os pacientes, uma vez que a maioria deles procura o procedimento por questões estéticas e não vê muito sentido em realizá-la para ficar com uma cicatriz depois. Mas saiba que essa preocupação não precisa existir, já que a técnica aplicada e os cuidados pós-operatórios visam justamente minimizar essas marcas.

Quer saber mais sobre as cicatrizes da abdominoplastia e entender como esse procedimento funciona? Confira abaixo e tire suas dúvidas sobre o assunto!

Quais são os tipos de cicatrizes da abdominoplastia?

Os tipos de cicatrizes da abdominoplastia estão diretamente relacionados à técnica utilizada pelo especialista — que pode ser a miniabdominoplastia, a abdominoplastia tradicional e a abdominoplastia em âncora. Além da técnica, a complexidade do caso de cada paciente também influencia nas cicatrizes.

Entenda melhor cada uma dessas técnicas:

Miniabdominoplastia

Esta é a de menor porte, e a cicatriz fica muito parecida com a de uma cesariana. É indicada para pacientes que tenham pouca pele excedente, e a cicatriz fica escondida sob as peças íntimas ou em trajes de banho como o biquíni.

Abdominoplastia tradicional

A cicatriz fica na região púbica e vai de uma ponta a outra do quadril. Mas não se preocupe, pois ela também fica escondida por baixo da lingerie, cueca ou nas roupas de banho. Se todas as recomendações médicas forem devidamente seguidas e a cicatriz for cuidada, ela pode ficar bem fina, se transformando em uma linha discreta.

É bastante comum que esse tipo de cirurgia seja realizado em pacientes que perderam uma grande quantidade de peso em pouco tempo, ou em mulheres após a gestação. Em ambos os casos, o abdome fica muito flácido e pode ser que apenas um procedimento cirúrgico seja capaz de resolver o problema.

Abdominoplastia em âncora

Esta é a técnica que deixa a maior cicatriz, sendo chamada de “em âncora” pelo seu formato, também parecido com um tipo de T invertido. A abdominoplastia em âncora costuma ser indicada para pacientes que apresentam uma grande diástase muscular e que tenham uma grande quantidade de pele flácida, como aqueles que apresentaram grande perda de peso após cirurgias bariátricas.

Essa diástase nada mais é que o afastamento dos músculos abdominais e que pode acontecer com maior frequência em gestantes. O esperado é que a musculatura volte para o lugar depois do parto, mas pode ser que isso não aconteça em algumas mulheres.

Quais os cuidados após a cirurgia do abdome?

A aparência da sua cirurgia depende muito dos seus cuidados. Seguir todas as orientações do especialista é de fundamental importância. O uso de cintas, os cuidados com a higienização e outros pontos relevantes impactam diretamente na aparência final das cicatrizes da cirurgia de abdome.

Alguns dos cuidados mais importantes para se ter no pós-operatório são:

    Não praticar nenhum tipo de exercício até liberação médica;

  • Dormir de barriga para cima. Para se manter nessa posição durante a noite, coloque almofadas e travesseiros ao lado do corpo;
  • Usar a cinta, por mais que seja um incômodo, ela é sua maior parceira nesse período;
  • Siga à risca a orientação quanto à higienização, use a pomada cicatrizante e sabonetes que ajudem nesse processo.

Outros cuidados importantes são não tomar sol no local da cirurgia — pois esta região fica mais sensível e tende a absorver mais os raios solares e assim, fica mais escura do que o restante da pele —, além de realizar repouso e ir ao médico nas datas marcadas para avaliação.

Por que é importante cuidar das cicatrizes da cirurgia do abdome?

Como dissemos no início, o principal objetivo de uma cirurgia como essa é melhorar a estética da região. Não cuidar das cicatrizes da abdominoplastia pode causar justamente o efeito contrário. Portanto, esses cuidados são essenciais para uma recuperação satisfatória e evita que você continue evitando lugares como praias ou deixando de usar roupas que goste.

Além disso, os cuidados com as cicatrizes da abdominoplastia vão além da estética. O risco de infecção sempre há, portanto, é importante ficar sempre de olho.

Quer saber mais sobre cicatrizes da abdominoplastia? Então, é só entrar em contato com a nossa equipe e marcar uma avaliação!

Fontes:

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica;

International Society of Aesthetic Plastic Surgery.

Autor: Dr. Alexandre Senra (CRM/SP 95678)

O cirurgião plástico Dr. Alexandre Senra se formou em Medicina no ano de 1991 na Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais, em Belo Horizonte, tendo feito sua especialização obrigatória para ser cirurgião plástico. Possui Título de Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), referendado pela Associação Médica Brasileira (AMB) e Conselho Federal de Medicina (CFM).

HORÁRIO DE ATENDIMENTO

Segunda a sexta-feira
das 08h00 às 20h00

ATENDIMENTO EM HOSPITAIS

Confira os hospitais onde
são realizados os atendimentos

Como posso ajudar a
melhorar a sua autoestima?