Fale conosco pelo WhatsApp Fale conosco pelo WhatsApp

Mastopexia

Resultado da mastopexia
Imagem meramente ilustrativa (Banco de imagens: Shutterstock)

mastopexia, também conhecida como lifting de mama, é um procedimento cirúrgico que tem como objetivo proporcionar um novo contorno na mama, através da remoção do excesso de gordura e do novo posicionamento da aréola e do tecido mamário, geralmente ascendendo.

Atualmente, a mastopexia é considerada uma das cirurgias estéticas mais populares do país. Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), apenas no ano de 2018, mais de 118 mil pacientes recorreram ao procedimento.

Saiba a seguir todas as particularidades do procedimento cirúrgico.

Quando a Mastopexia é indicada?

Com o passar dos anos é extremamente comum que as mamas percam seu aspecto jovem e principalmente a sua firmeza, em consequência de diversos fatores, o que pode trazer um grande incomodo estético.

Entretanto, a mastopexia pode proporcionar uma melhora considerável na aparência das mamas, restabelecendo a autoestima da paciente. A mastopexia pode vir a ser recomendada nos seguintes casos:

  • Após a gravidez;
  • Após a amamentação;
  • Depois da perda ou ganho de peso em um curto período;
  • Durante o processo de envelhecimento.

De qualquer maneira, é sempre indicada uma avaliação individual de cada caso, para que o cirurgião plástico possa encontrar a melhor opção!


Como é pré-operatório da Mastopexia?

Para se preparar para a cirurgia, a paciente deve realizar com antecedência os exames requeridos pelo cirurgião para que seja possível uma avaliação médica de suas condições de saúde, conferindo se a paciente se encontra apta ao procedimento e tomando conhecimento de possíveis fatores de risco inerentes a uma cirurgia.

A avaliação médica é essencial para o bem-estar e segurança da paciente, tanto para o decorrer do procedimento, mas também para o pós-operatório.

Nos dias que antecedem a cirurgia, caso a paciente possa prosseguir com a mastopexia, pode ser necessário a interrupção de alguns medicamentos e de alguns hábitos que possam ser prejudiciais.

A realização do pré-operatório com os devidos cuidados contribui, além do bom andamento do procedimento, para resultados mais satisfatórios.


Como a Mastopexia é feita?

mastopexia pode ser dividida em 4 etapas: a anestesia — que pode ser por meio de sedação intravenosa ou de anestesia geral —, incisão, remodelação das mamas e, por fim, o fechamento das incisões. Em alguns casos, e após uma criteriosa avaliação, é sugerido o uso de próteses de mama na mastopexia

Podem ser feitas diferentes tipos de incisões para a realização da mastopexia, que vão de acordo com o tamanho e a forma da mama, o grau de flacidez da região, o tamanho e a posição das aréolas, o excesso de pele e a elasticidade.

Independente das incisões escolhidas, a remodelação fica responsável por:

  • Levantar e remodelar o tecido subjacente mamário para melhorar a firmeza do contorno da mama;
  • Implantar ou não prótese de silicone;
  • Reposicionar a mama e a aréola;
  • Remover a pele em excesso, compensando a perda de elasticidade.

Após a remodelação, as incisões são fechadas através de suturas dentro do tecido mamário, fornecendo sustentação para os seios recém modelados. Também podem ser utilizados outros acessórios para proporcionar uma melhor finalização, quando necessário.


Como é o pós-operatório ?

Após o procedimento, serão colocados curativos sob as incisões. Esses curativos devem ser mantidos de 30 a 60 dias após a cirurgia. O tempo de internação da mastopexia não costuma maior que 24 horas.

As suturas podem ser retiradas dentre sete a 15 dias, dependendo da recuperação, ou sendo realizadas com fios absorvíveis, inexiste essa necessidade. Neste período, é importante evitar levantar os braços e restringir alguns movimentos físicos.

A paciente deverá fazer o uso de sutiã cirúrgico por pelo menos um mês, para fornecer maior sustentação e minimizar o inchaço. Também pode ser necessário o uso de um dreno para eliminar excessos de sangue e de fluidos que possam acumular após a cirurgia, mas rotineiramente não é utilizado pelo Dr. Alexandre.

Nos 30 primeiros dias, é necessário:

  • Evitar a exposição direta ao sol;
  • Não dirigir;
  • Evitar quaisquer esforços físicos, não carregar peso e tampouco praticar exercícios físicos.

É importante seguir todos os cuidados indicados pelo cirurgião para uma recuperação mais tranquila e para obter os melhores resultados possíveis.


Qual o tempo de recuperação ?

Estima-se que após 30 dias a paciente já possa retomar a sua rotina mais ampla. De qualquer forma, é importante seguir a orientação médica, já que cada paciente apresenta suas particularidades.

Os resultados da mastopexia podem ser vistos ao longo dos meses, com a diminuição do inchaço e com o processo de cicatrização. Estima-se que o resultado final da mastopexia é obtido após 12 a 18 meses.


Qual é a diferença entre Mamoplastia de aumento e mastopexia?

Embora o procedimento de aumento e a mastopexia possam parecer semelhantes, cada procedimento possui um objetivo diferente.

mamoplastia de aumento utiliza de implantes para proporcionar o aumento ou restaurar o tamanho dos seios, garantindo também mais firmeza. Entretanto, o procedimento incapaz de solucionar o problema das mamas caídas.

mastopexia é o único procedimento capaz de corrigir a flacidez das mamas sem remover ou aumentar o volume dos seios. Entretanto, ambas as técnicas podem ser usadas em conjunto para proporcionar o aumento e corrigir questões estéticas relacionadas às mamas.

Para compreender melhor a técnica de mastopexia e realizar uma avaliação médica, entre em contato com a equipe do Dr. Alexandre Senra e marque uma consulta!

Fontes:

Dr. Alexandre Senra;

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).

Autor: Dr. Alexandre Senra (CRM/SP 95678)

O cirurgião plástico Dr. Alexandre Senra se formou em Medicina no ano de 1991 na Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais, em Belo Horizonte, tendo feito sua especialização obrigatória para ser cirurgião plástico. Possui Título de Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), referendado pela Associação Médica Brasileira (AMB) e Conselho Federal de Medicina (CFM).

HORÁRIO DE ATENDIMENTO

Segunda a sexta-feira
das 08h00 às 20h00

ATENDIMENTO EM HOSPITAIS

Confira os hospitais onde
são realizados os atendimentos

Como posso ajudar a
melhorar a sua autoestima?