Abdominoplastia masculina: como funciona?

A abdominoplastia masculina é um procedimento estético que remove o excesso de flacidez da região abdominal e melhora o contorno corporal

Barriga masculina com marcações em caneta

Conheça a abdominoplastia masculina e seus benefícios - Imagem: Shutterstock

A abdominoplastia masculina é a cirurgia plástica indicada para remover o excesso de flacidez na região abdominal, não sendo recomendada para emagrecimento ou correção de depósitos de gordura localizada.

A indicação da abdominoplastia masculina deve ser realizada por um cirurgião plástico de confiança após avaliação do quadro de saúde do paciente, alinhamento das expectativas em relação à cirurgia plástica e análise das insatisfações estéticas apresentadas. Saiba mais a seguir sobre a técnica de abdominoplastia destinada ao público masculino!

Quando a abdominoplastia é indicada?

A abdominoplastia masculina é indicada para pacientes que estejam insatisfeitos com a estética abdominal devido ao excesso de flacidez, como após um emagrecimento significativo ou oscilações no peso que resultam em excesso de pele na região.

Após considerar o desejo estético que motiva a realização da abdominoplastia, outros aspectos serão ponderados pelo especialista. A cirurgia do abdômen costuma ser mais indicada para pacientes que:

· Estão dentro do peso ideal ou no máximo 30% acima;

· Apresentam expectativas realistas em relação ao procedimento e que entendam que a cirurgia não promove emagrecimento;

· Estão conscientes da necessidade de controlar o ganho de peso posteriormente, para que os resultados não sejam perdidos;

· Estão saudáveis, sem comorbidades como hipertensão, diabetes ou outras alterações;

· Mantêm hábitos saudáveis, principalmente no que se refere a uma alimentação balanceada e prática regular de atividades físicas;

· Preferencialmente, não mantenham hábitos prejudiciais à saúde, como tabaco ou consumo excessivo de bebida alcoólica.

É importante que o paciente saiba que, apesar dessas ponderações, cada situação é única. É necessário que o cirurgião plástico avalie todo o cenário que envolve a cirurgia e a saúde do paciente — como histórico médico, estabilidade emocional, condições para cumprimento das indicações médicas e resultados de exames laboratoriais e clínicos.

Como é realizada a abdominoplastia masculina?

Apesar de nos referirmos à abdominoplastia masculina dessa forma, o procedimento não diferente significativamente da técnica realizada em mulheres. Uma das principais alterações diz respeito ao local da incisão cirúrgica, que costuma ser horizontal na parte mais baixa do abdome visando uma cicatriz mais discreta posteriormente. Ainda assim, a extensão da incisão pode variar de acordo com a quantidade de pele a ser removida.

No caso de mulheres, é comum que a abdominoplastia inclua a correção da diástase do músculo reto abdominal, principalmente se houve alguma gestação anterior. No entanto, esse problema é menos recorrente entre os homens, de forma que esse aspecto não costuma fazer parte do planejamento cirúrgico.

Além das diferenças citadas, o procedimento é semelhante para homens ou mulheres: com a separação da pele dos demais tecidos, tracionando em direção à incisão cirúrgica para remoção do excesso.

Posteriormente, a incisão cirúrgica é fechada e o paciente tem como resultado um abdômen mais reto, o que é um resultado diferente do almejado pelas mulheres que se submetem à técnica — que, em geral, desejam uma definição distinta da cintura.

Como é a recuperação da abdominoplastia em homens?

Os cuidados necessários para a recuperação de qualquer cirurgia plástica, incluindo a abdominoplastia masculina, serão informados pelo especialista responsável e equipe médica antes da alta hospitalar. Entre as indicações destacam-se:

  • Evitar esforços físicos intensos por cerca de 30 dias e até a liberação médica;
  • Andar ligeiramente curvado nos primeiros 10 a 15 dias;
  • Fazer o repouso conforme indicado pelo médico;
  • Tomar apenas a medicação prescrita — que pode incluir anti-inflamatórios, antibióticos e analgésicos;
  • Fazer sessões de drenagem linfática conforme orientação médica;
  • Usar cinta modeladora pelo período indicado pelo especialista. Ela deve ser usada continuamente, inclusive para dormir;
  • Manter uma alimentação balanceada e, preferencialmente, sem excesso de carboidratos e lipídios;
  • Dar preferência para alimentos com fibra e água na dieta para evitar constipação.

Mesmo se estiver sentindo-se bem disposto, é importante desacelerar o ritmo das atividades diárias conforme indicação médica, evitando situações e esforços que possam comprometer a recuperação.

A abdominoplastia masculina apresenta, em geral, resultados estéticos satisfatórios, mas é importante que o paciente tenha um acompanhamento médico especializado e siga todas as recomendações.

Fontes:

Dr. Alexandre Senra;

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica;

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica — Regional de Santa Catarina.