Revisão de Cicatriz

Podemos com a cirurgia para revisão de cicatriz, minimizar a aparência delas. O tipo de procedimento a ser escolhido, pode variar e podemos nos utilizar de diferentes técnicas. Um  faixa de pele pode ser doada de uma outra parte do corpo e ser colocada sobre a cicatriz. Uma outra técnica chamada Zetaplastia  remove a cicatriz indesejada e e alivia a sua tensão. Os lasers podem também tratar cicatrizes indesejadas, induzindo o organismo a criar um novo tecido, ao quebrar o tecido ‘doente’ abaixo da cicatriz. Estas são algumas das possibilidades. Uma avaliação criteriosa do Dr. Alexandre Senra determinará o melhor curso do tratamento da revisão da cicatriz.

Quais são os períodos de evolução de uma cicatriz?

Período Imediato : Vai até o 30 o dia e apresenta-se com aspecto pouco visível. Alguns casos apresentam uma discreta reação aos pontos ou ao curativo.

Período Mediato : Vai do 30 o dia até o 12 o mês. Neste período há o espessamento natural da cicatriz, bem como inicia-se uma mudança de cor, da mesma, passando para mais escuro (do vermelho para o marrom) que vai, aos poucos, clareando. Este período, o menos favorável da evolução cicatricial, é o que mais preocupa as pacientes. Como não podemos apressar o processo natural da cicatrização, recomendamos às pacientes que não se preocupem, pois, o período tardio se encarregará de diminuir os vestígios cicatriciais.

Período Tardio : Vai do 12 o ao 18 o mês. Neste período, a cicatriz começa a tornar-se mais clara e menos consistente, atingindo, assim, o seu aspecto definitivo. Qualquer avaliação do resultado definitivo da cirurgia, no tocante à cicatriz, deverá ser feita após este período.

Por que alguns pacientes ficam com cicatrizes muito visíveis ?

Certos pacientes apresentam tendência à cicatrização hipertrófica ou ao quelóide. Essa tendência, entretanto, poderá ser prevista, até certo ponto, durante a consulta inicial, quando lhe fazemos uma série de perguntas sobre sua vida clínica pregressa, bem como a análise das características familiares, que muito nos ajudam quanto ao prognóstico das cicatrizes. Geralmente, pessoas de pele clara não tendem a esta complicação cicatricial; pessoas de pele morena têm maior predisposição ao quelóide ou à cicatriz hipertrófica. Isto, entretanto, não é uma regra absoluta. A análise dos antecedentes, como já o dissemos, nos facilitará o prognóstico cicatricial.

Existe correção para cictrizes hipertróficas e quelóides?

Vários recursos clínicos e cirúrgicos nos permitem melhorar cicatrizes patológicas, na época adequada. Não se deve confundir, entretanto, o período mediato da cicatrização. Qualquer dúvida a respeito da sua evolução cicatricial deverá ser esclarecida conosco e nunca com amigos(as) que, como você, ‘também podem estar apreensivos(as) quanto ao resultado final’.

 

 

 

Inscreva-se em nossa newsletter e receba nossas novidades e notícias.

  
    • Localização

      Av. Juscelino Kubitschek, 1726
      21 º andar - Itaim - São Paulo - SP
      CEP: 04543-000

      Fone (+55) 11 3032.7007

      Siga-nos

      Facebook Twitter YouTube Contato